sexta-feira, 9 de outubro de 2020

Cirurgia de miopia

 

Olá, pessoal!


Faz 1 mês do meu último artigo escrito “em tempo real”, o último (“inflação!) era um excerto de um livro que havia começado a escrever há uns anos e estou dando continuidade a passos de formiga.


Minha ausência tiveram algumas razões: final de agosto o mundo deu uma leve desabada com a descoberta de um tumor maligno em minha mãe. Nesses 30 dias de interregno, porém, muita coisa boa aconteceu: mamãe operou, passa bem e a chance de cura total é 99%; irmã operou, passa bem e está se recuperando conforme o esperado (a recuperação total demora alguns meses); vovó passa bem e será submetida a nova cirurgia ainda esse mês, com bom prognóstico.


Como sou adepto da filosofia do “já que estou na lama, vou dar braçada”, fiz uma cirurgia para correção de miopia e astigmatismo também em meados de setembro, ficando com a visão muuuito ruim durante os 10 dias seguintes e, desde então, venho melhorando 1% a cada dia. Ainda vejo um pouco embaçado e sem foco tanto para muito perto quanto para muito longe, mas o médico disse ser absolutamente normal e que a cicatrização total (e efetividade da cirurgia) pode levar até 90 dias para ficar 100%. Apesar de meu grau para astigmatismo ser mínimo (0,5) e de miopia relativamente pequeno (1,75), eram o suficiente para eu não ver o número de um ônibus de longe, ter de assistir filme de óculos, usar para dirigir, dentre outras atividades que não são tão rotineiras pra mim, porém, já perdi oportunidades de aproveitar a vida (ou mesmo de me ferrar) por não estar com os óculos à mão.


Falando em finanças, em razão do grau ser abaixo do mínimo que o plano de saúde é obrigado a cobrir (acho que é só de 6 graus pra cima), paguei a bagatela de R$ 400,00 de consulta + R$ 6.000,00 da cirurgia (3k por olho) + R$ 420,00 (até o momento) de remédios (4 tipos de colírios diferentes, um deles que já estou no terceiro frasco) = R$ 6.820,00. O preço de uma moto de 125c, uma bike elétrica moderninha, uma bela viagem nacional para um casal ou algo assim. Pra mim, fora um belo investimento.


Não sei se tenho um ponto a chegar com esse post, mas fica a reflexão sobre a importância de nunca deixarmos de investir em nossa saúde. Conheço gente que perde essa grana em um trade de poucos minutos, em cerveja ou delivery de comida em menos de um semestre. Eu já pesquisava/pretendia fazer essa cirurgia há mais de 10 anos e nunca fiz por falta de tempo, prioridade e muquiranice, até que percebi quão idiota era o argumento financeiro e que era só organizar um pouco o trabalho para me permitir ficar menos tempo olhando pra telas após a cirurgia (não há nenhuma restrição médica, simplesmente estava impossível pela dor que a luz causava e pela dificuldade gigantesca de leitura).


Abraços e estou voltando aos comentários dos blogs amigos!

17 comentários:

  1. Olá amigo.

    Eu fiz essa cirurgia, digo que foi uma das melhores decisões da minha vida. Eu me recuperei muito bem, confesso que nos primeiros dias a visão parecia que tinha piorado, mas depois de um mês eu já estava com 90% do resultado final. A única "sequela" que tive é que vejo halos quando dirijo a noite, no inicio incomodava bastante, hoje em dia já me adaptei a isso e não me arrependo da cirurgia.

    Desejo ótima recuperação para sua mãe e família.

    Suas reflexões sobre a priorização da saúde são válidas porém a maioria de nós esquece de priorizar o tópico principal de uma vida FIRE, do que adianta milhões na conta se você não tem saúde para desfrutar?

    Abraços,
    Pi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, PI!
      Rapaz, seu relato me deu uma animada! Completarei 1 mês da cirurgia nesta semana, considero que a visão ainda está uns 70%, mas seu relato e do MP abaixo me deixaram mais tranquilo. Essa sua "sequela" parece ser bem aceitável diante do benefício.

      Agradeço os votos de melhora para minha família e, realmente, saúde a gente tem de sempre zelar. Quase todo mundo com o sonho FIRE acaba deixando essa parte só pra depois da aposentadoria (me incluía nessa) e, muitas vezes, a conta chega cara. Me fez lembrar de dois colegas blogueiros Fire que faleceram subitamente por problemas de saúde.

      Abração

      Excluir
  2. Olá,

    Também já fiz essa cirurgia mesmo tendo pouco grau como vc. No começo é um saco não conseguir enxergar direito mas com uns 3 meses já está bem melhor mesmo.
    Eu já cheguei no ponto que descobri que saúde é o mais importante. Estava correndo que nem uma louca para poupar o máximo possível em um emprego que me estressava muito e ficou um negócio tão insustentável, do tipo de já estar no psiquiatra, que pedi demissão, agora estou no processo de treinar outra pessoa para assumir a bucha.

    Melhoras para vc e toda a família.

    MP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou funcionário público de baixo escalão e estou a ponto de sair do emprego.
      Já estou me preparando pra fazer isso até fevereiro de 2021.
      Sempre procurei separar trabalho da vida pessoal, sempre procurei focar no que tinha que fazer e não me importar com o resto, mas após anos no mesmo ambiente vai ficando difícil ficar apartado do que ocorre no entorno.
      Fora conviver com colega FDP que vai minando a paciência da gente.
      Estou tentando encontrar alternativas de emprego ou de pequenos negócios, não quero continuar em um emprego que até tem seus pontos positivos, mas que provavelmente eu me arrependerei de ter ficado muito tempo quando estiver mais velho.
      Vamos ver o que consigo, vou tentar esfriar a cabeça até o fim do ano pra ver ser aparecem boas ideias.

      Lamento que o seu emprego tenha te levado até um nível de estresse doentio, tomara que você consiga encontrar uma boa solução pro seu futuro profissional.

      Excluir
    2. Bom dia, MP e Anon!

      MP, obrigado pelo relato, me deixou bem mais tranquilo quanto a esperar sem ansiedade pela recuperação plena (que vai além da recuperação, né, é aprimoramento da visão).
      É triste que você tenha de ter aprendido "na marra" a cuidar da saúde e espero que agora esteja num estado mental melhor e numa felicidade a mais constante possível.

      Anon funcionário público: planeje bem sua saída do emprego. Tente já ter um plano B bem avançado e, se possível, comece logo um trabalho paralelo para apronfudá-lo após sua saída do funcionalismo. Já trabalhei em ambiente tóxico por poucos meses e foi o suficiente para ficar com raiva e sair brigado com muitos e P da vida.

      Abraços

      Excluir
  3. boa sorte
    pretendo fazer quando for mais velho
    ja me acostumei com oculos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Scant!
      A depender da idade (mais de 45 anos, no meu sentir), acho que deixa de compensar a cirurgia, já que ela só corrige miopia e astigmatismo, todavia a idade pode lhe trazer presbiopia e/ou hipermetropia, ou seja, você pode ter de continuar a usar óculos por razões diferentes.

      Abração

      Excluir
    2. talvez então eu antecipe para os 40

      quase mudando de assunto, fiz recentemente uma cirurgia de varizes e acho que também é uma boa para manter a qualidade de vida

      abs!

      Excluir
  4. FALA AC, excelente cara, mandou bem nessa cirurgia, espero que sua qualidade de vida aumente e aí é só aproveitar. Caramba, nunca vi tanto a palavra "cirurgia" em um só post da finansfera ahahha, desejo o melhor pra sua família, abçs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahaha
      Putz, EPI, nem fala. Quem dera eu tivesse usado "cirurgia" para tratar de investimentos cirúrgicos em que acertei o c* da mosca! rs
      Obrigado pelos votos à família e abração
      Em breve te chamo pra trocar uma ideia e atualizarmos o papo.

      Excluir
  5. Que bom q vc e sua família estão bem...conheci seu blog por causa de um post sobre maximizar a vida, esses dias, e eu tinha acabado de fazer o q vc fez, vender o antigo imóvel e mudar para um menor....Aí fui lendo os posts e cheguei nesse sobre a saúde das pessoas próximas e fiquei chateada....mas q bom q tudo se encaminhou da melhor maneira possível....fica a reflexão sobre aproveitar o agora e ter gratidão por ter saúde

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anon, é um peso que a gente se livra, né? Felicidade não depende de tamanho do lar, mas de qualidade. Espero que tenha se adaptado e aloque a diferença de dinheiro gasto em seus objetivos maiores.
      Obrigado pelo carinho à minha família. 2020 foi uma provação, mas todos sairemos fortalecidos e fico "feliz" que tenha ocorrido tudo isso agora, já que iniciarei 2021 levando uma vida nômade e mais distante fisicamente de todos (assunto para post futuro).
      Abraço

      Excluir
  6. Lasik a técnica da cirurgia? Infelizmente meu grau de miopia é tão alto que o médico me disse que fazendo a cirurgia poderia apenas diminuir o grau mas eu continuaria precisando dos óculos, então não adiantaria nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vinicius, a técnica que usei foi a PRK. Segundo o médico, tem a recuperação mais lenta, porém com menos chances de sequela de qualquer tipo.
      Além da Lasik e PRK também tem a Smile. Acho que vale você pesquisar as possibilidades com mais de um profissional.
      Abraço

      Excluir
    2. Oi AC, que bom que deu tudo certo com a cirurgia da sua mãe.
      Sobre a sua cirurgia no olho, deixa eu te perguntar... O pós-operatório dói? Meu ex-marido fez essa cirurgia e lembro que ele sentiu muita dor no pós-operatório, então apesar de querer fazer, tenho medo...

      Excluir
    3. Incomoda bastante uns 4 dias, depois vai diminuindo gradativamente até que fica bom! O olho só fica ressecado um bom tempo, mas daí tem colírio pra pingar de hora em hora só pra isso. Ainda não sei o resultado final, mas desconfio que valerá a pena!

      Excluir
  7. Fiz Lasik e foi uma das melhores coisas da minha vida. Vai sair q nem um bobão da clínica lendo tudo quanto é coisa na rua kkkkk

    ResponderExcluir