segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

A regra dos 4% e como pretendo usá-la na aposentadoria


Não quero chover no molhado. Regra dos 4% é gastar 4% do seu patrimônio total existente no dia que você declarou sua aposentadoria e atualizá-lo anualmente pela inflação. Para saber o quanto você precisa para aposentar, pegue seu gasto mensal e multiplique por 300 (ex: gasto mensal é R$ 15.000,00 x 25 = R$ 4.500.000,00 é o valor que você precisa para se aposentar pela regra dos 4%).
Maiores detalhes em:

Como pretendo utilizá-la?

Resumindo, vou tentar dividir a carteira ao meio entre ativos geradores de renda e ativos de acúmulo de capital e tentar viver somente com os ativos geradores de renda, de forma que estarei aplicando a regra dos 4%, mas sem sacar do capital principal histórico da data da aposentadoria.
Parte do patrimônio será alocada em ativos geradores de renda mensal, trimestral ou semestral e irei viver com essa renda; a outra parte será alocado em ativos para acúmulo de ganho de capital de médio e longo prazo.

Exemplo: planejo declarar FIRE com 6MM para buscar renda mensal de R$ 20.000,00. Desses 6MM,  pretendo alocar 3MM da seguinte forma: 

2M em FIIs (Fundos de Investimento Imobiliário) com dividendos/yield médio de 0,6% (pelo menos) = R$ 12.000,00
500k em Tesouro Direto com cupom semestral médio de IPCA (atualmente 3,27%) + 3,5%, totalizando 6,77% menos IR = 5,7545% ano líquido = 2,87725% semestre = 0,48% líquido mês = R$ 2.400,00
200k imóvel alugado = R$ 1.200,00 (aluguel atual)
300k (em reais) em REITs (os FIIs dos EUA) com dividendos/yield médio de 0,5% = R$ 1.500,00
Total de renda mensal: R$ 17.100,00

Ué, e os R$ 2.900,00 que faltam? Caro leitor, preciso contar um segredo: serei FIRE, mas há uma projeção de, durante pelo menos 10 anos, ainda pingar rendimentos de, ao menos, R$ 3.000,00 do meu extinto trabalho. Maiores detalhes ficarão para outro post.
Mas como eu vou fazer quando a fonte secar? Primeiro que pode ser que eu não gaste exatamente os 20k/mês e consiga reinvestir o saldo em mais ativos geradores de renda; segundo, os ativos geradores de renda podem também ter ganho de capital ao longo desse período e, quem sabe, os rendimentos proporcionais poderão superar a inflação e serem suficientes à cobertura da minha despesa mensal estimada.

Os outros 3MM da carteira ficarão investidos em ativos para ganhos de capital (ações que não necessariamente pagam dividendos, fundos, imóveis que não geram aluguel, renda fixa e previdência privada).

5 comentários:

  1. Muito bom. Obrigado pelos links acima e bem vindo a Firesfera, está no diretório agora. Abcs

    ResponderExcluir
  2. AA40, não há de quê, seu blog foi uma das inspirações.
    Scant, valeu!

    ResponderExcluir
  3. olá AC.
    Fiquei curioso com o ponto do rendimento do extinto trabalho...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá TI, algumas coisas do meu trabalho demoram anos para serem finalizadas (e que não dependem de mim pra acabar), portanto, mesmo depois que eu pare de trabalhar, ainda haverão esses trabalhos "na praça" que eu receberei quando acabarem.
      Algo semelhante seria direitos autorais de escritores, músicos e artistas, que recebem enquanto veiculados.

      Excluir